Como funciona a Inteligência Artificial no Direito e na Advocacia

Neste artigos vamos abordar uma pouco mais sobre o tema o Advogado de Luiz Antonio de Lima, que atua no Taboão da Serra.

Embora o uso de tecnologia no Direito e na Advocacia ainda sejam tímidos, com a Pandemia do COVID-19 os advogados foram forçados a adotar algum tipo de tecnologia para realizar suas tarefas.

Mais importante que utilizar algum sistema de tecnologia ou Inteligência Artificial em sua rotina, ao advogado é importante conhecer e entender como estes sistemas funcionam. E, como eles podem colaborar no desempenho de suas tarefas.

O que é Inteligência Artificial ?

Sempre que ouço “Inteligência Artificial”, uma infinidade de coisas tecnológicas me vem ao pensamento. Desde robôs que me auxiliam em tarefas domésticas, até robôs que querem me atacar em um estilo Skynet

No entanto, a Inteligência Artificial abrange muito mais do que simples ideias ou representações romantizadas de Hollywood. Para compreender e entender o que é Inteligência Artificial, precisamos compreender o que significa cada uma dessas palavras.

Os principais desafios da inteligência artificial para a profissão jurídica.

Os questionamentos quanto à possibilidade de a IA substituir o trabalho do homem ou à eventualidade de que a máquina possa vir a pensar como um ser humano aparecem quando se discorre a respeito da interação da máquina com a sociedade.

Conquistas recentes provenientes de ferramentas de Inteligência Artificial (IA) provocam uma curiosidade crescente, ao mesmo tempo que geram algum desconforto, a questão é que a IA está em praticamente todos os setores da nossa sociedade, e no meio jurídico não poderia ser diferente.

Com a implementação da IA, o s advogados em geral ganharão mais tempo para outras tarefas, e provavelmente terãi preços mais competitivos com o auxílio dessa ferramenta.

Na opinião do advogado Luiz Antonio de Lima, ele vê com bons olhos a implantação dessa ferramenta no Direito, aspas para o advogado, ” Tudo que vem para auxiliar nosso trabalho, com agilidade e eficácia, será sempre muito bem vindo na minha visão”.

E você o que acha sobre o uso da Inteligência Artificial no meio jurídico ?

Comente aqui embaixo, deixe sua pergunta, que vamos adorar bater esse papo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *